Vantagens e importância do sistema público de escrituração digital (SPED)

vantagens-e-importancia-do-sistema-publico-de-escrituracao-digital-(sped)

SPED nada mais é que uma sigla para Sistema Público de Escrituração Digital. Trata-se de um sistema da Receita Federal do Brasil que tem por objetivo facilitar o envio de entregas acessórias pelas empresas à Receita, além de modernizar e otimizar todo o processo de fiscalização tributária.

A partir do sistema, é possível unificar todas as informações enviadas ao fisco em uma única plataforma digital, oferecendo uma maior segurança aos contribuintes e à própria Receita, uma vez que também oferece formas simplificadas de envio destas informações, além de melhorias no seu armazenamento e controle.
O SPED funciona através de três etapas: a Escrituração Física Digital (EFD), a Escrituração Contábil Digital (ECD) e a Nota Fiscal Eletrônica (NFE). Descubra ainda mais sobre as principais vantagens do Sistema Público de Escrituração Digital no texto abaixo.

Redução de custos e facilidade de armazenamento

Uma das principais e mais notáveis vantagens ao adotar o Sistema Público de Escrituração Digital é a diminuição dos custos de emissão e armazenamento dos documentos em papel, devido ao uso de uma plataforma inteiramente digital.
Da mesma forma, a rapidez no acesso às informações se dá pelo fato de estarem dispostas e organizadas em um sistema unificado com uma facilidade muito maior de serem encontradas.
O sistema permite ainda, a possibilidade de cruzamento entre os dados contábeis e fiscais, para o caso de alguma eventual consulta. A redução de custos administrativos também é um dos fatores, junto da redução de custos com a racionalização e simplificação das obrigações acessórias.

Segurança na emissão da Nota Fiscal Eletrônica (NFE)

Outra grande vantagem é a segurança no momento de emissão da NFE, pois a partir do uso do SPED, as empresas e contadores têm a possibilidade de utilizar uma assinatura digital que garante uma credibilidade maior e, por consequência, diminui o risco de golpes e fraudes contra sua empresa, uma vez que não se trata mais de um documento físico.
O fato de ser obrigatória, também torna a assinatura digital mais um artifício de segurança, a partir do seu uso padrão por empresas e contadores, além de garantir a validade jurídica da Escrituração Fiscal Digital (EFD).

Otimização do tempo e aumento na produtividade

Também se pode inserir a otimização do tempo na lista de vantagens no uso do SPED. Neste sentido, destaca-se a redução do tempo despendido com a visita de auditores fiscais nas instalações do contribuinte, uma vez que o sistema garante determinadas checagens à distância. Por consequência, a produtividade do auditor também aumenta, devido ao fato do sistema eliminar os passos relativos à coleta dos arquivos.

Aumento na qualidade e medidas protetivas

A qualidade da informação também recebe uma grande melhoria, em função da padronização digital das informações e do sistema unificado, assim como a uniformização das informações que o contribuinte presta às diversas unidades federadas.
O envolvimento involuntário em práticas fraudulentas também é reduzido em função das medidas de segurança serem ainda mais eficazes, por conta de o sistema funcionar em uma plataforma digital e, por consequência, o aperfeiçoamento do combate à sonegação.

Vantagens e importância do sistema público de escrituração digital (SPED)
O que você achou deste conteúdo?

Deixe o seu comentário

comments